COARACI: CHUVA E INCÊNDIO NUMA QUARTA-FEIRA TRÁGICA

O dia 22 de Janeiro ficará na memória da comunidade coaraciense pelo exemplo de comoção popular. Durante a tarde, as fortes chuvas causaram uma série de alagamentos em ruas centrais e nos bairros da cidade, mas foi no início da noite que uma tragédia foi evitada por voluntários. Por volta das 18:30h o prédio do Colégio Educandário Pestalozzi que situa-se anexo ao templo da Primeira Igreja Batista, foi avistado por moradores, em chamas. Um vigia que abriria o local pra aulas de um curso técnico, ao chegar na escada, deparou-se com as chamas vindo do primeiro andar. Imediatamente a notícia se espalhou nas redes sociais e membros da igreja, empresários, cidadãos comuns se mobilizaram com baldes com água e extintores para combater às chamas, já que na cidade não há destacamento do Corpo de Bombeiros. O fogo foi controlado até a chegada dos Bombeiros que fizeram o rescaldo do incêndio. Foram consumidos pelas chamas diversos documentos do colégio e da igreja. Não houveram vítimas nem feridos.

0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.