Maqueiros, recepcionistas e vigilantes do Hospital Costa do Cacau denunciam salários atrasados

Trabalhadores sem salários.
Trabalhadores sem salários.
Administrado pela Gerir, funcionários terceirizados que atuam como maqueiros e recepcionistas do Hospital Regional Costa do Cacau não receberam o salário do mês de dezembro de 2018. Os trabalhadores pertencentes à empresa DM decidiram parar as atividades nesta sexta-feira, 25, e só retornam ao trabalho, após o pagamento dos salários. 

Cerca de 28 vigilantes que prestam serviço no Hospital também estão com o salário de dezembro atrasado, além do não recebimento do vale transporte, ticket-alimentação e o 13º salário. Caso o pagamento não seja feito até a próxima terça- feira, 29, os trabalhadores ameaçam parar as atividades. 

0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.