Moção de repúdio proposta na câmara não é validada pela maioria dos vereadores


A Câmara de Vereadores de Itabuna rejeitou nesta quarta-feira, 5, uma moção de repúdio , proposta pelo Vereador Enderson Guinho (PDT) ao Conselho Municipal de Transportes pela aprovação do aumento da tarifa do transporte público no município para R$ 3,80.
Eram necessários 14 votos para a aprovação da moção, mas apenas nove votaram: O próprio Guinho, Charliane Sousa (PTB), Babá Cearense (PHS), Manoel Júnior (PV), Zico (PTC), Chicão (PTB), Chico Reis (PSDB), Jairo Araújo (PCdoB) e Júnior Brandão (PT).
Votaram contra a moção os vereadores Ronaldão (PMN), Júnior do Trator (PHS), Ninho Valete (PR) e Milton Gramacho (PRTB). Se abstiveram da votação, Beto Dourado (PSDB),  e Pastor Francisco (PRB).

0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.