Em greve já há 70 dias professores terão audiência no TRT


A greve dos professores da rede municipal de Itabuna completa 70 dias nesta quarta (14) e representantes dos grevistas e da Prefeitura devem participar de audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT 5) em Salvador, às 14h de hoje. A audiência será comandada pela desembargadora Maria de Lourdes Linhares de Oliveira, presidente do TRT 5.
A audiência deverá reunir a presidente do sindicato dos professores municipais, o Simpi, Carminha Oliveira, e o procurador-geral do Município, Luiz Guarnieri. A secretária de Educação, Nilmecy Gonçalves, poderá participar, a depender de ajustes no horário de evento do Ministério da Educação em Salvador.
Os professores entraram em greve em 3 de setembro com pauta de reivindicações que incluía desde pagamento de salários em dia a reajuste linear de 6,81% para os três níveis do magistério no município. Os educadores também protestavam contra a mudança do regime celetista para estatutário. Os professores também cobram o pagamento da parcela do 13º salário a todos os profissionais da Educação. Segundo o sindicato, apenas parte da categoria recebeu o décimo terceiro.
Há pouco, a Secretaria de Educação de Itabuna divulgou balanço da greve. Segundo a Pasta, caiu a adesão ao movimento grevista. Hoje, 70% dos educadores já teriam retornado a sala de aula. Cerca de dois terços das escolas, no levantamento da Secretaria, estariam funcionando normalmente. O site não conseguiu contato com o Simpi.

Pimenta

0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.