Colisão com ônibus escolar e caminhão que levava fanfarra deixa seis mortos




O número de mortos no acidente envolvendo uma carreta e um ônibus com membros de uma fanfarra de Euclides da Cunha, subiu para seis. Marcos Silva Brito, regente da fanfarra, faleceu na noite de domingo, no Hospital Clériston Andrade, em Feira de Santana. A informação foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). O acidente ocorreu na BR-116, por volta das 11h de ontem.
Marcos estava no ônibus escolar que transportava estudantes de Euclides da Cunha para concurso de fanfarras em Antônio Cardoso, quando uma carreta invadiu a pista contrária e colidiu com o ônibus. Quatro estudantes faleceram, assim como o motorista da carreta, Eurides Cardoso. Marcos foi a sexta pessoa a falecer em decorrência dos ferimentos sofridos durante o acidente.
A batida entre um ônibus escolar e uma carreta ocorreu na manhã de domingo, no km-382 da BR-116, trecho de Santa Bárbara, cidade a cerca de 150 km de Salvador.


Informações preliminares da Polícia Rodoviária Federal (PRF) apontam que o motorista da carreta fez uma ultrapassagem indevida, o que causou o acidente. O motorista foi identificado como Eurides Cardoso, 63 anos, que morreu no local da batida. Ele era natural de Conchal, em São Paulo.
De acordo com a polícia, por conta do acidente, a via ficou interditada por cerca de cinco horas para que as equipes de socorro pudessem ajudar as vítimas e tirar os veículos da rodovia.



0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.