Ex-funcionários de cartório em Una são presos por fraude




Ruan Carlos Batista dos Santos Souza e Brenda Conceição Sena, ex-funcionários do Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais de Una, cidade que fica a cerca de 60 quilômetros de Ilhéus, no sul da Bahia, foram presos na sexta-feira, 28. Contra eles, a Polícia Civil também cumpriu mandados de busca e apreensão.
Os dois respondem a processo, segundo a polícia, por “falsidade ideológica, inserção de dados falsos em sistema de informações, extravio, sonegação ou inutilização de livros ou documentos, excessos de exação e supressão de tributos”. Os crimes foram cometidos quando eles trabalhavam no cartório.
Os acusados, como foi apurado até agora, emitiam DAJEs (Documento de Arrecadação Judicial e Extrajudicial) do tipo Isento, quando deveriam fazê-lo do tipo Pago. O dinheiro arrecadado, portanto, não chegava aos cofres públicos. Ia direto para o bolso deles.
Ruan e Brenda desviavam dinheiro, principalmente, em serviços como habilitação para casamento e em averbações de divórcio, “objetivando o enriquecimento ilícito”, acusa a Polícia Civil de Una. A prisão dos dois é preventiva.
Diário da Bahia

0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.