Multas e queixas de vítima levam polícia à empresário itabunense, preso em flagrante com carro clonado

O acusado é dono de um restaurante no centro de Itabuna. Eduardo Bittar, de 29 anos, foi detido na tarde desta quarta-feira Multas, queixas e uma dor de cabeça que parecia não ter fim. 
 Este é o resumo de um emaranhado de problemas que um morador de Feira de Santana teve nos últimos meses. O motivo é um só: a placa do carro dele foi clonada. E quando ele viu multas, que haviam sido registradas em Eunápolis chegarem em sua casa, assustou-se, porque não esteve naquela cidade nas datas em que supostamente seu veículo foi multado. Para alegria da vítima, o responsável por esse crime foi detido na tarde desta quarta-feira (07), em Itabuna. Alguém acima de qualquer suspeita. Dono de restaurante, bem sucedido e que simplesmente desfilava com um carro roubado, cuja placa havia sido clonada, trazendo inúmeros prejuízos para o dono da placa autêntica. O empresário Eduardo Almeida de Andrade Bittar, de 29 anos, foi preso por volta das 16 horas, na Rua Rui Barbosa, centro de Itabuna, onde fica o "Le Restaurante", de sua propriedade. Questionado pelos agentes da PRF, Eduardo admitiu ser o dono do veículo Sportage, de placa OUU-9069, fruto de roubo. A prisão aconteceu após uma denúncia anônima feita à Polícia Rodoviária Federal que, por sua vez, já vinha investigando o caso; Pelo andar da carruagem, é provável que outras pessoas da "corte" estejam, assim como Eduardo, circulando por aí com carros de placas "frias". Fiança Embora tenha sido preso e confessado ser o dono do carro, Eduardo não deve permanecer detido. É certo que pagará fiança e responderá ao processo em liberdade. Vale frisar que o Sportage, do empresário, é um carro lançado em 2016 e avaliado entre R$ 109 mil a R$ 134 mil. Segundo informações 

0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.