Detentos do Conjunto Penal de Itabuna sofrem atentado na saída do presídio

 
Um veículo Peugeot de cor preta, placa policial JPV-8911, que conduzia detentos do Conjunto Penal de Itabuna, foi alvo de disparos de arma de fogo no início da tarde desta segunda-feira (12), na BR-415, bairro Nova Ferradas, em Itabuna. De acordo com informações, no veículo havia cinco pessoas, entre elas, Danilo Pinheiro Suzaki, de 21 anos, morador de Ilhéus, que tinha acabado de sair do presídio de Itabuna. Ele foi alvejado pelos disparos na região das costas e socorrido para o Hospital de Base. Ainda segundo informações, o pai de Danilo contratou o veículo para buscar o filho no presídio de Itabuna, e ao sair, deu carona para mais três detentos que também haviam sido liberados. Quando os ocupantes do carro seguiam para a cidade de Ilhéus, homens armados saíram de dentro dos matos, na BR-415, e efetuaram diversos disparos de arma de fogo. Os ocupantes do carro chegaram a correr para fugir dos tiros, mas foram alvejados. Um dos detentos, conhecido como "Léo do bonde", morador de ilhéus, não resistiu aos ferimentos e morreu.
O corpo dele foi encontrado dentro do matagal às margens da BR. Outro detento ainda não identificado foi encontrado baleado próximo ao presídio. Já o terceiro detento, ainda não foi localizado. Já o motorista do carro foi conduzido para o Complexo Policial de Itabuna, onde será ouvido. A Polícia Militar e Polícia Civil estão no local do crime. O Departamento de Polícia Técnica também foi acionado para realizar a remoção dos corpos. Os quatro detentos foram liberados do presídio de Itabuna para o "saidão da Páscoa", onde passariam a data com os familiares. Há informações de que só nesta segunda-feira, 26 presos já foram liberados e no decorrer da semana mais detentos devem ser soltos.
Atualizada 18:44


Mais um detento que sofreu tentativa de homicídio foi identificado; trata-se de Luiz Alberto, ele foi atingido de raspão e encaminhado ao Hospital de Base de Itabuna.

Luiz Alberto















0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.