Homem é assassinado na estrada que dá acesso ao lixão de Itabuna; vítima foi assassinada com quinze golpes de faca e tiro de chumbeira

O jovem Felipe Santos de Jesus, de 25 anos, foi morto na noite desta sexta-feira (16) próximo a Volta da Cobra, na estrada rural que dá acesso ao lixão, em Itabuna. Segundo informações, a vítima era trabalhador rural, exercia a função de vaqueiro em uma fazenda próximo ao bairro Santa Clara e não tinha envolvimento com o mundo do crime. Segundo a esposa da vítima, Felipe saiu de casa por volta das 20h para comprar cigarro e não retornou. A esposa estranhou a demora do companheiro e minutos depois recebeu a informação de que havia um corpo caído ao chão ao lado de uma motocicleta. Ao se deslocar para o local, a esposa constatou que se tratava de seu marido, Felipe. A vítima foi morta com tiros de espingarda tipo chumbo, sendo atingida com tiros no rosto e 15 golpes de faca na região peitoral.
Ao lado do corpo a polícia encontrou a lâmina da faca, sem o cabo. Até o momento não há informações sobre a motivação e autoria do crime. A Polícia Civil de Itabuna vai investigar o caso. No mês de janeiro, o trabalhador rural Genivaldo Pereira da Anunciação, conhecido como Macalé, de 41 anos, também foi morto na mesma estrada que dá acesso ao lixão, na Volta da Cobra. Na ocasião, a vítima foi morta com golpes de faca. De acordo com informações, Macalé também não tinha envolvimento com o mundo do crime. Com a morte de Felipe, sobe para seis o número de homicídios registrados em Itabuna no mês de Fevereiro, o 18° do ano. O corpo da vítima foi removido para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna para o levantamento cadavérico.















0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.