Marido que mandou matar esposa é condenado a 28 anos de prisão

Resultado de imagem para FOTO empresário Edivan Ribeiro SantanaO empresário Edivan Ribeiro Santana foi condenado a 28 anos de prisão nesta quinta-feira (28), em Camacan. O juiz Felipe Renomato anunciou a sentença por volta das 20 horas. O réu foi condenado por todas as qualificadoras, não tendo o direito de recorrer em liberdade, saindo do Fórum, direto para o Conjunto Penal de Itabuna. Edivan foi condenado por ter encomendado a morte da esposa Kátia Cristina, ocorrido em 27 de dezembro de 2010, quando esta saia da Igreja Assembléia de Deus em Camacan.
 Resultado de imagem para FOTO empresário Edivan Ribeiro Santana


0 comentários:

Postar um comentário

Não sera permitido a publicação de comentário com palavra de baixo calão.